logotipos_erros

10 erros comuns na criação de logotipos

1. Design feito por um amador

Uma empresa profissional deve ter um visual profissional. Novos empresários, muitas vezes investem muito tempo e dinheiro em bens e equipamentos, mas não fazem o mesmo com  seu logotipo.
Aqui estão as razões mais comuns pelas quais muitos logos parecem amadores:

  • O empresário queria economizar dinheiro, projetando o logotipo com rapidez.
  • Um favor de algum amigo ou parente que afirma conhecer um pouco sobre design gráfico.
  • São encomendados com pessoas erradas.
  • Terceirizando o trabalho através de um design de sites diversos da concorrência, que são majoritariamente habitados por designers amadores.
  • O trabalho foi dado a uma empresa online que oferece logotipos realmente baratos.

Todas as opções acima podem levar a resultados desastrosos. Se o seu logotipo parecer amador, então assim será o seu negócio. Uma empresa deve saber onde procurar quando quer um novo logotipo.

Aqui estão as vantagens de contratar um designer profissional para criar seus logotipos:

  • Seu logo será único e memorável.
  • Você não vai correr em quaisquer problemas na linha de reprodução com ele.
  • Seu logo terá uma vida útil mais longa e não precisa ser redesenhado dentro de alguns anos.
  • Seu logo vai ser profissional.

2. Prender-se demais às tendencias

Tendências (se brilhos, chanfros ou outros) vem e vão até que, finalmente, transformar-se em clichês. Um bem concebido logo deve ser atemporal, e isto pode ser conseguido ignorando os truques mais recentes. O maior clichê no projeto do logotipo é usar essas linhas em volta do logo. Como designer de um logo, seu trabalho é criar uma identidade única para o seu cliente, ignorando completamente, ou o máximo possível, as tendências no projeto do logo.

O site Logolounge tem uma grande seção em que atualiza as tendências atuais de design de logotipo a cada ano. É importante conhecer a última “moda” , principalmente para que você possa evitá-las a todo custo.

3. Usar Imagens Rasterizadas

É prática  comum  a utilização de software de gráficos vetoriais, como o Adobe Illustrator ou Corel Draw na criação de logotipos.
Uma imagem vetorial é composta de pontos matematicamente precisos, o que garante a consistência visual através de vários tamanhos. A alternativa, claro, é o uso de softwares gráficos rasterizados, como o Adobe Photoshop. Um gráfico bitmap é composta de pixels.

Usar imagens rasterizadas para logotipos não é aconselhável porque pode causar problemas de reprodução. Enquanto o Photoshop é capaz de criar logos muito grande, você nunca sabe ao certo o quão grande você terá que reproduzir o seu logotipo em determinado momento. Se você aumenta o zoom ou o tamanho da imagem ele será exibido pixelizada, tornando-o inutilizável. Manter uma coerência visual do logotipo é essencial para uma empresa.

As principais vantagens dos gráficos de vetor para o desenho da logomarca são:

  • O logotipo pode ser redimensionada em qualquer tamanho sem perder qualidade.
  • A edição do logotipo, mais tarde, é muito mais fácil.
  • Pode ser adaptado para outras mídias mais facilmente do que uma imagem raster.

4. Usar Bancos de Imagens na criação do logo

Este erro é geralmente feito por donos de empresas que projetam seu próprio logotipo ou por designers amadores que não possuem conhecimento sobre as leis de direitos autorais. Baixar imagens de Banco de vetores como vectorstock não é um crime, mas ele pode começar a ser um problema se você incorporá-lo em um logotipo.

Um logotipo deve ser único e original. Há chances, se você estiver usando uma imagem do vetor destes sites, de outra pessoas no mundo também estar. Logo, a sua marca já não é única. Você pode muito facilmente detectar vetores prontos em logotipos porque eles geralmente possuem formas familiares, tais como globos e silhuetas.

5. Projetando a sua identidade no logo, no lugar da do cliente

A causa desse erro é geralmente o ego enorme do designer. Se você tiver encontrado uma nova fonte legal que você não pode esperar para usar em um projeto, bem … pense duas vezes antes de usá-la. Pergunte-se se essa fonte é realmente adequada para o negócio que você está projetando? Por exemplo, uma fonte tipográfica moderna grande que você acabou de se apaixonar pode não ser adequada para um negócio sério, como um escritório de advocacia.

Alguns designers também cometem o erro de incluir uma marca em seu trabalho. Mesmo que você esteja orgulhoso pelo seutrabalho, impor a sua personalidade em um logotipo é errado. Fique focado nas necessidades do cliente!

6. Complexo demais!

Que melhor analogia para imagens em miniatura do que as impressões digitais? Você vai perceber os meandros de suas impressões digitais apenas quando olhar para elas realmente de perto. Assim que você se afasta, esses detalhes são perdidos. O mesmo é válido para logotipo altamente detalhados.

Quando impressas em tamanhos pequenos, um projeto complexo irá perder seus detalhes, e em alguns casos, ficará semelhante a uma mancha, ou pior, a um erro. Quanto mais detalhes um logotipo tem, maior é o número de informações que o espectador deverá processar. Um logotipo deve ser memorável e uma das melhores maneiras para torná-lo memorável é a de manter a simplicidade. Olhe para a identidade corporativa da Nike, McDonald’s e da Apple. Cada empresa tem um ícone muito simples que pode facilmente ser reproduzido e identificado em qualquer tamanho.

7. Depender das cores para passar a mensagem

Sem cor, o seu grande projeto pode perder a sua identidade. Este é um erro muito comum. Alguns designers não podem esperar para adicionar cor a um projeto, e alguns dependem dele completamente. A escolha da cor deve ser a sua última decisão, sendo assim começar o seu trabalho em preto e branco é melhor.

Cada proprietário do negócio terá de mostrar o seu logotipo em apenas uma cor pelo menos uma vez na vida, de modo que o designer deve testar para ver se isso afetaria a identidade do logotipo. Se você usar a cor para ajudar a distinguir determinados elementos no design, então o logotipo ficará completamente diferente em um tom.

8. Escolher fontes pobres

Quando se trata de finalização de um logotipo, a escolha da fonte correta é a decisão mais importante que um designer pode fazer. Uma falha por causa de uma má escolha da fonte pode ser desastroza, acabando com o trabalho (o nosso exemplo mostra a infame Comic Sans).

Encontrar a fonte perfeita para seu projeto é achar o tipo de letra que combine com o estilo do ícone. Mas isto pode ser muito complicado. Se estiverem muito próximos, o ícone da fonte e vão competir uns com os outros pela atenção, se o contrário, muito distantes, então o espectador não sabe para onde olhar. A chave é encontrar o equilíbrio certo, em algum lugar no meio. Cada fonte tem uma personalidade. Se a fonte que você escolheu não reflete as características do logotipo, então toda a mensagem da marca será ignorada.

Fontes ruins muitas vezes são escolhidas simplesmente porque essa decisão não é levada a sério.

9. Usar muitos tipos de fontes

Usando muitas fontes, é como tentar mostrar a alguém um álbum inteiro de uma vez. Cada tipo é diferente, e o espectador precisa de tempo para reconhecê-lo. Vendo muitos de uma só vez, irá se confundir.

Usar um máximo de duas fontes de pesos diferentes é prática padrão. Limitar o número de fontes para este número aumenta significativamente a legibilidade de um projeto do logotipo e melhora o reconhecimento da marca.

10. Copiar logotipos

Este é o maior erro de um designer de logos de todos e, infelizmente, é cada vez mais comum. Conforme mencionado, o propósito de um logotipo é representar um negócio. Se ele tem a mesma aparência de alguém, ele não cumpriu a sua função. Ninguém ganha com a copia! Nem o cliente e muito menos o designer.

Original em Smashing Magazine. Traduzido por Jomar

1 comentário

  1. André Luis · setembro 12, 2010

    Ótimo post, parabens!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s